Assumidos e censurados

Dois sócios resolveram ocupar um espaço do território literário pouco explorado pelas editoras atuais. Vista como tabu, a literatura erótica está ganhando espaço no mercado de livros, basta ver o exemplo de “50 tons de cinza”, de E. L. James. Com a intenção de propor uma literatura de qualidade e voltado para o público LGBT, Alexandre Calladinni e Occello… Continue lendo Assumidos e censurados

Anúncios